4 de agosto de 2010

4

REFLEXÃO PARA A VOLTA AS AULAS

Amigas, estamos retornando as atividades e algumas vezes nos magoamos com certas palavras e atitudes de colegas de trabalho. Lendo esse texto que recebi de uma amiga, por email, me veio a mente o retorno ao serviço... resolvi partilhar com vocês.

Abraços e espero que gostem e seja útil.
Viver como as flores



- Mestre, como faço para não me aborrecer, com as pessoas? Algumas falam demais, falam de nossa vida, gostam de fazer intriga, fofoca, outras são ignorantes. Algumas são indiferentes. Fico magoado com as que são mentirosas. "Sofro com as que caluniam".
- "Pois viva como as flores!", advertiu o mestre.
- "Como é viver como as flores?" Perguntou o discípulo.
"Repare nestas flores", continuou o mestre, apontando lírios que cresciam no jardim. "Elas nascem no esterco, entretanto são puras e perfumadas. Extraem do adubo malcheiroso tudo que lhes é útil e saudável, mas não permitem que o azedume da terra manche o frescor de suas pétalas.

- É justo angustiar-se com as próprias culpas, mas não é sábio permitir que os vícios dos outros o importunem. Os defeitos deles são deles e não seus. Se não são seus, não há razão para aborrecimento.
Exercite, pois, a virtude de rejeitar todo mal que vem de fora. Isso é viver como as flores."

"Sou um só, mas ainda assim sou um. Não posso fazer tudo, mas posso fazer alguma coisa. E, por não poder fazer tudo, não me recusarei a fazer o pouco que posso."

(Edward Everett Hale (1823-1909), clérigo e escritor norte-americano.)

4 comentários:

Maria da Luz Borges disse...

Obrigado pela partilha. Um belíssimo texto para reflectir.
Luz

Hellen disse...

Lindo de mais!
Olha que legal seu blogo pra na votação do top blog, adorei e já votei você merece...
bjubjubju

Anônimo disse...

Valeu!! Era exatamente o que procurava!!! Obrigado!!!
abraço!

Anônimo disse...

Adorei!!! Estava precisando de um texto assim.
Obrigada!

 
©2010 Rachel Por Templates Rachel Melo